Proposta para a Elaboração de Sistemas Embarcados de Manutenção de Aeronaves

Título da Tese: 
Proposta para a Elaboração de Sistemas Embarcados de Manutenção de Aeronaves
Autor: 
Otavio Augusto Emilio Coimbra
Área de Concentração: 
Engenharia Aeronáutica
Turma: 
PEE16
Ano da Defesa: 
2013
Data de Defesa: 
07/08/2013
Orientador Principal: 
Luis Gonzaga Trabasso
Resumo: 

A dissertação está centrada no desenvolvimento de mensagens para sistemas de manutenção embarcados em aeronaves, utilizados para aprimorar o diagnóstico de falhas. Estas mensagens precisam servir na orientação dos trabalhos de reparo, de forma a garantir uma manutenção ágil e eficiente. No desenvolvimento de aeronaves, cada novo projeto requer novas definições para o sistema de manutenção, pois essas estão diretamente relacionadas com a arquitetura e com as funcionalidades adotadas em cada projeto. O volume de informações envolvidas costuma ser bastante grande e um grande número de detalhes permeia aspectos de utilização e de qualidade, tornando a elaboração do sistema de manutenção uma tarefa complexa e consideravelmente custosa. Toda essa complexidade acaba muitas vezes se refletindo na qualidade das definições. Verifica-se com frequência a existência de mensagens espúrias poluindo os registros e dificultando a utilização do sistema de manutenção. Consequentemente, ao invés de auxiliara na investigação de falhas, um registro confuso pode dificultar as tarefas de inspeção e até prolongar o tempo de resolução de panes. Aos poucos, essa situação tem gerado uma descrença nesse sistema, que acabou popularizada entre mecânicos e desenvolvedores. Esse trabalho se originou da necessidade de se aprimorar o processo de elaboração de mensagens de manutenção, para diagnóstico de sistemas aeronáuticos. Propõe-se um método para geração automática de mensagens, a partir da parametrização dos modos de falha observados. Objetiva-se, com isso, acelerar o processo de desenvolvimento e melhorar a qualidade das informações disponibilizadas, segundo critérios de clareza e precisão nos diagnósticos, abrangência do monitoramento e facilidade de utilização. Essa nova abordagem pretende também melhor integrar o desenvolvimento do sistema embarcado de manutenção ao desenvolvimento do restante da aeronave.